Súplica – poesia de ReginaCélia

SÚPLICA
Súplica – poesia de ReginaCélia

Escuta, a noite chega…
Caminha devagar por detrás dos montes..
O sol se põe no horizonte
E no céu a lua vem, calma, serena

Escuta…. no silêncio da noite
Os meus murmúrios insanos
O arfar do meu peito
A música suave e lenta
Que nossas almas acalenta.

Escuta… o som do vento
Que lá fora uiva, canta, lamenta.
São sons de meu coração que te chama…
Não importa se há fogo ou se há flama.

Interessa que meu coração te reclama…
O que importa é que meu ser te deseja
Para em beijos, na noite me perder…

Te quero.. por favor me ama!!!

Ah!!! te amo.. com este amor selvagem
que todo meu corpo inflama.
Por favor… por favor, ME DOMA!!!

ailecaniger – regina célia
escrita em 22 de agosto de 2000
Direitos Autorais Reservados

Sobre reginacelia

Sou Regina Celia nascida em 1944, formada em contabilidade mas trabalhando com serviços de textos e serviços secretarias desde 1977. Nos últimos 15 anos vem trabalhando na internet como apoio a web designers na criação de textos e estrutura de comunicação.
Esta entrada foi publicada em Crônicas e Poesias e marcada com a tag , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.